SNACK #11: Finalmente 18 (2013)



Comédias mal criadas e com um teor onde amigos fazem loucuras insanas tem vindo frequentemente. Após alguns bons títulos como a franquia Se Beber Não Case! e Projeto X - Uma Festa Fora de Controle, chega mais uma comédia no mesmo estilo. A dupla de diretores é estreante, Jon Lucas e Scott Moore, que antes foram roteiristas destes filmes que falei ali atrás. Agora eles arriscam na direção, e conseguiram! Seguindo a mesma linha, o filme não traz nada novo, porém eles trabalham com os clichês que eles mesmo criaram de maneira ótima. O grande forte do filme é o carismático elenco, que consegue nos fazer rir e torcer por eles.

Para comemorar o aniversário de 18 (na verdade a maioridade é 21 nos Estados Unidos, gerando conflitos no título do filme no Brasil), os 3 amigos enchem a cara e fazem muita besteira. Mas o bacana são os conflitos de cada um deles. O certinho que quer amadurecer mas nunca relaxa, o "malucão" que abandonou a faculdade e seus sonhos e o aniversariante, que vive deprimido e oprimido pelo pai. Legal ver que o aniversariante é asiático, dando um gostinho mais universal ao filme. As piadas estão ótimas, mesmo que batidas. Muita bobagem, mas que no fim acaba levando para o lado: fazer valer a pena os momentos com os amigos.

O filme tem uma série de reviravoltas pelo final. Muita correria, dando a impressão de que estamos vendo um filme de ação! Eu gosto destas misturas que andam vindo: ação + comédia (Os Mercenários), comédia + ação (Projeto X); etc. O filme dá certo e te arranca algumas risadas. Nada inesquecível, mas será um daqueles bons filmes para se ver e relembrar das loucuras de adolescente. E de novo, o elenco jovem e carismático ajuda muito a gostar do filme. Espero que as próximas comédias que estão se dizendo "insanas" mantenham ou até aumentem a qualidade.








Direção: Jon Lucas e Scott Moore

Elenco: Justin Chon, Sarah Wright, Miles Teller, Jonathan Keltz, Skylar Astin, Bonnie Bentley.

Sinopse: A melhor coisa da vida é ter amigos! E Jeff não pode reclamar nem um pouco disso, afinal, seus dois melhores amigos vão até o campus onde ele mora para agitar o seu aniversário de 18 anos. Este é "O" primeiro grande momento na vida de uma pessoa, é poder entrar em qualquer clube de dança, poder beber a vontade e praticamente fazer tudo o que quiser... ou quase tudo.


Trailer:




















O Vigilante da Noite

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...