Uma breve opinião sobre o cinema na primeira metade de 2013:

2013 passou da metade e é hora de fazer um breve comentário do que se viu até aqui. Lembrando que alguns filmes lançados nos últimos 2 meses ainda não foram vistos, mas em nome da equipe falo que estamos atentos a tudo e já podemos tecer breves comentários mesmo sem assistir. Vou ter que ser chato e dizer que 2013 era um dos anos mais esperados e badalados para o cinema, mas até agora não entregou tudo que pode. Na verdade não veio metade do que poderia. Vou então comentar sobre alguns filmes do ano que foram fiasco ou sucesso.


Em um estilo de subgênero, os "filhos de Crepúsculo" não agradaram. 'A Hospedeira' foi péssimo e reprovei feio o filme. Apesar da boa temática, do bom visual (arrisca até uma boa fotografia) e do elenco juvenil aceitável, o filme em si foi totalmente fora de foco e mal roteirizado. Falo isso lembrando que eu apostava no filme ser legal, devido a temática de aliens que curto bastante. Sobrou para 'Dezesseis Luas' e 'Meu Namorado é Um Zumbi' defenderem a casa. Embora estejam longe de serem bons filmes, ao menos divertiram. Foi uma surpresa para mim que em ambos eu dei uma ou outra risada singela, além de gostar do elenco. Em 'Dezesseis Luas' apreciei algumas piadas no início do filme, o figurino e a fotografia da obra. Já em 'Meu Namorado é Um Zumbi' eu gostei de algumas piadas e cenas de referência aos clássicos 'survival' de Romero e Fulci.


A Hospedeira poderia ter sido bom, mas é um dos fracassos do ano por pecar na construção de sua trama pouco verossímil.

Na ação, o britânico 'Inimigos de Sangue' me surpreendeu bastante. 'O Último Desafio' com Arnold Schwarzenegger e o ainda inédito no Brasil 'Dead Man Down' foram bons exemplos de filmes que divertiram. 'Alvo Duplo' com o Stallone e 'Duro de Matar 5' com Bruce Willis decepcionaram. No caso de 'Duro de Matar', o filme até tem boa ação e feitos especiais, uma trilha sonora e fotografia afiadas, mas o ator que fez o filho do herói e a falta de bom roteiro naufragaram a trama. Para minha surpresa, a estreia do diretor sul-coreano Park Chan-wook em Hollywood foi ótima. 'Segredos de Sangue' brilha como um impactante e poético suspense, traz um trio de atores afiados e um retorno triunfal de Nicole Kidman!


Dead Man Down mistura drama, suspense e ação na medida certa.

Entre as animações, 'Os Croods' e 'Universidade Monstros' parecem ter levado a melhor. 'Reino Escondido' e o espanhol 'As Aventuras de Tadeo' foram mais humildes, mas valem a olhada. Por incrível que pareça, entre as comédias eu só destaco meu filme francês queridinho do ano: 'A Datilógrafa'. O filme segue como o mais charmoso e bonitinho do ano. Várias comédias americanas, como 'Para Maiores' e 'Todo Mundo em Pânico 5' poderiam ter sido melhores, mas afundaram! Imaginaerum by Nightwish é uma ópera rock misturada com terror e drama psicológico que vale a olhada pela originalidade. 


Universidade Monstros está arrasando em bilheteria!

No suspense, parece que só 'Segredos de Sangue' entregou o prometido (em parte). 'Linha de Ação', 'Chamada de Emergência', 'Terapia de Risco', entre outros vários até podem ser vistos, mas não inovam. No terror, 2 remakes foram muito bons: 'A Morte do Demônio' ressuscitou um pouco do gore e da nostalgia dos clássicos de horror, que quebra um pouco o padrão da censura e traz carnificina sem efeitos de computador. 'O Maníaco' faz você se sentir como o assassino, quase entendendo seu ponto de vista (e a câmera sendo os olhos do maníaco faz realmente isso, você se sente como ele). O terror 'American Mary' continua sendo o melhor pela originalidade. 'ABC da Morte' e 'V/H// 2' são duas obras que reúnem antologias do medo, e se saíram bem. 'Terror no Pântano 3' segue a linha dos dois primeiros, porém mais eletrizante! 'Mama' e 'Uma Noite de Crime' são os fenômenos de bilheteria de terror do ano, porém nenhum deles chega a ser um filme fantástico. 'Mama' ainda se sai bem observando emoção e roteiro, sendo quase um drama gótico.


O remake A Morte do Demônio consegue ser o terror mais "terror" do ano.
O Maníaco é outro grande remake deste ano.
E V/H/S 2 é a assustadora surpresa. Preparado para ter ataques cardíacos?

Entre as superproduções, também chamados blockbusters, 'Homem de Ferro 3' já é uma das maiores bilheterias da história. Porém o filme tem dividido as opiniões, sendo o grande divisor de águas do ano. 'Velozes 6', 'Além da Escuridão - Star Trek', 'Guerra Mundial Z', 'O Grande Gatsby' e 'O Homem de Aço' estão se saindo bem no geral. Não se pode dizer isto de 'Se Beber Não Case! Parte 3', 'Depois da Terra' e 'O Cavaleiro Solitário', que andam mal das pernas. O maior fracasso do ano segue sendo 'Jack - O Caçador de Gigantes' (filme no qual o defendi por ser divertido). E para concluir, as adaptações remodeladas de 'João e Maria - Caçadores de Bruxas' e 'Oz - Mágico e Poderoso' foram agradáveis surpresas. 


Merece ser o filme mais visto do ano?


Jack - O Caçador de Gigantes é o grande fracasso do ano, mas até que é divertido!
Está sendo ovacionado como o filme de zumbis definitivo. Você acha Guerra Mundial Z o máximo?
O Grande Gatsby vem sendo badalado pelo seu glamour e deslumbre pirotécnico.

No geral o ano está morno, querendo aquecer agora de Agosto em diante. Entre os melhores do ano eu cito os de terror 'A Morte do Demônio', 'O Maníaco', 'American Mary', 'V/H// 2'  e 'Terror no Pântano 3'. Ação seguem 'Inimigos de Sangue' e 'Dead Man Down'. O drama 'O Lugar Onde Tudo Termina', a comédia romântica 'A Datilógrafa' e o suspense 'Segredos de Sangue' merecem uma atenção especial como alguns dos melhores do ano. Mas o primeiro lugar segue invicto com o drama dinamarquês 'A Caça'. Único do ano que dei 10, um filme surreal e provocante, faz você refletir e gela a espinha. Cinema europeu cada vez mais apaixonante. E dificilmente cairá do primeiro lugar até o fim do ano. Um filme obrigatório para todos.


O Lugar Onde Tudo Termina é um drama reflexivo sobre pais e filhos.
O filme francês A Datilógrafa é o mais bonitinho e charmoso do ano até então.
Segredos de Sangue, um suspense frio e poético. Grande filme!

Era isso, tentei ser básico, afinal são muitos filmes! Início de ano que vem volto com uma super recapitulação 2013.


 Concorda? Discorda? Quer citar algum ótimo ou péssimo? Comente aí:


E A Caça segue como o mais impactante e melhor filme de 2013

Assista À Caça, é absolutamente imperdível e provocativo.





O Vigilante da Noite

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...