Crítica: MORTE NO DIA DAS BRUXAS (2014, de Steven R. Monroe)


*Matéria de estreia de Herbert Almeida, que fará colaborações mensais sobre filmes de terror.

BASEADO EM FATOS REAIS?!?
Quantas vezes você assistiu um filme de terror ou se interessou por ele pela informação "baseado em fatos reais"? http://www.supercineonline.com/assistir-morte-no-dia-das-bruxas-online.html

Exemplos deste tipo de película são muitos. Talvez o mais famoso seja Horror em Amityville, cuja história filmada e refilmada com uma série de continuações, se baseia em um livro não-ficcional, chamado The Night the DeFeos Died, que relata o assassinato cometido por Ronald DeFeo Jr. Algumas pessoas alegam que não se tratava de nenhum filme de terror e sim de uma tese muito louca montada pelo advogado de defesa de Defeo, Willian Weber, alegando que as vozes em sua cabeça insistiam para ele realizar os crimes. DeFeo foi considerado culpado em seis acusações e condenado a várias penas de 25 anos. Filme de terror ou de advogado? Assista os filmes e decida você mesmo lendo sua biografia http://www.biography.com/people/ronald-defeo-580972

Já no filme MORTE NO DIA DAS BRUXAS (Título Original: Grave Halloween), do Diretor Steven R. Monroe www.facebook.com/pages/Steven-R-Monroe/117696434948868 que também dirigiu o polêmico DOCE VINGANÇA, há na sua foto de capa a frase BASEADO EM UMA HISTÓRIA REAL, então fomos verificar a veracidade deste slogan tão batido, mas que sempre funciona de chamariz, sobretudo para filmes de terror.



No Filme, uma estudante universitária americana que estuda no Japão arrisca sua própria vida para salvar o espírito de sua falecida mãe, que se suicidou na notória *Floresta dos Suicidas*. Esta tal floresta de fato existe no Japão e tem o nome de Aokigahara , também conhecida como Mar de Árvores, situada na base noroeste do Monte Fuji, no Japão. Devido à densidade das árvores, que bloqueiam o vento, Aokigahara é conhecida por ser estranhamente silenciosa. Somente em 2010, 54 pessoas completaram o ato na floresta, apesar de numerosas mensagens, para que as pessoas reconsiderassem suas ações. Em média, são encontrados cem corpos por ano, alguns em avançado estado de putrefação ou até mesmo somente seus esqueletos.O alto índice de suicídios chamou a atenção das autoridades japonesas, que colocaram avisos em japonês e inglês desencorajando o ato. A "Caça ao Corpo" consiste em um pequeno exército formado por policiais, voluntários e jornalistas que buscam por corpos na floresta.

Com alguns sustos e uma fotografia que lembra bastante filmes de terror japoneses, MORTE NO DIA DAS BRUXAS, é um divertimento que não pode ser levado muito a sério, pois os efeitos especiais são de um filme B e os atores totalmente desconhecidos. Mesmo assim, assistindo sozinho pode funcionar como um bom passatempo numa noite chuvosa.

Trailer:



Você lembra de algum filme baseado em "fatos reais"? Quer comentar? Gostaria de compartilhar as informações reais ou fantasiosas? Mande seus comentários e concorra mensalmente a brindes.



O Vigilante da Noite

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...