Top 10 - Plot Twists (Parte II)


Como dito na matéria anterior (que pode ser conferida aqui), devido a tantas opções, optei por separar a lista em duas partes. Nessa edição, busquei sair do senso comum e escolhi filmes que, normalmente, são pouco citados nas listas sobre o tema, alguns até desconhecidos do grande público, mas que merecem ser conferidos de perto. Vamos à lista:


10. Ninho de Musaranho (2014)



Sinopse: Em Madri, nos anos 1950 vive Montse (Macarena Gómez), uma mulher que sofre de Agorafobia cuida da irmã mais nova (Nadia de Santiago), já que a mãe morreu durante o parto e o pai abandonou as filhas. A doença de Montse faz com que ela se prenda dentro de um apartamento, piorando a situação. Um dia, a relação entre as irmãs começa a mudar com a chegada de um vizinho Carlos (Hugo Silva).

Começo esse post com dois suspenses do cinema espanhol. O primeiro, Ninho de Musaranho, possui um clima claustrofóbico e sombrio, passando-se, basicamente, dentro de um apartamento. O mistério que cerca a relação entre as duas irmãs carrega a trama e torna-se cada vez mais interessante na medida em que os segredos são revelados. O maior mérito do filme é a mudança de foco durante seu desenrolar, permitindo que sejamos surpreendidos com um desfecho chocante. Ainda que não traga grandes inovações para o entretenimento, é um bom filme e merece ser visto.


9. El Cuerpo (2012)





Sinopse: O corpo de uma mulher (Belén Rueda) desaparece misteriosamente do necrotério sem deixar qualquer vestígio. O Inspetor Jaime Peña (José Coronado) investiga o estranho acontecimento com a ajuda de Alex Ulloa (Hugo Silva), o viúvo da mulher desaparecida.

O segundo filme espanhol da lista, El Cuerpo, é um thriller clássico, com crime, detetive, suspeitos, investigação, pistas, etc. É o tipo de obra em que passamos o tempo todo tentando adivinhar o que realmente aconteceu, mas que, ao seu final, consegue surpreender até o espectador mais atento.


8. A Passagem (2005)




Sinopse: Sam Foster (Ewan mcGregor) é um psicólogo que trabalha numa prestigiosa universidade americana. Certo dia um de seus jovens pacientes o procura para dizer que planeja cometer suicídio em breve. À medida que Sam estuda o caso, o rapaz começa a fazer estranhas e terríveis profecias que se realizam. Aterrorizado, Sam tenta ajudar seu paciente e impedir o suicídio de todas as maneiras, mas acaba se envolvendo numa misteriosa jornada da alma.

A Passagem é um filme profundo, com muitas nuances e significados implícitos. Com uma bela fotografia e jogo de câmeras, o filme destaca-se pela complexidade do roteiro e pela construção do personagem de Gosling, que colocam o espectador em meio a um mar de informações difíceis de decifrar. Mesmo não sendo unanimidade entre os cinéfilos (tem um modesto 6.9 no IMDB, por exemplo), A Passagem é um filme necessário para os amantes do "gênero".


7. O Operário (2004)




Sinopse: A última vez em que Trevor Reznik (Christian Bale) dormiu foi há um ano, sendo que desde então o cansaço vem destruindo progressivamente sua saúde física e mental. Ele trabalha numa fábrica operando maquinário pesado, e faz de tudo para manter seu emprego. Envergonhado por causa de seu problema, Trevor isola-se cada vez mais, tornando-se paranoico. Depois de se envolver em um acidente no trabalho em que um homem perde um braço, Trevor começa a crer que seus colegas estão conspirando para demiti-lo. Ele precisará lutar não apenas para se manter no cargo, mas também para manter a sanidade.

Famoso por ser o filme em que Christian Bale perdeu mais de 40 kg para viver seu protagonista enigmático, O Operário é mais que uma grande atuação: é uma aula de construção de personagem. E, ainda que seja possível deduzir o que acontecerá através das pistas deixadas pelo diretor, muita gente acaba surpreendida. Mas, muito mais do que o plot twist final, vale aqui o conjunto da obra.


6. Desejo e Reparação (2007)



Sinopse: Aos 13 anos, a jovem Briony (Saoirse Ronan/ Romola Garai) já demonstra ter um grande talento como escritora, principalmente por sua intensa criatividade. Um dia, ela pensa ter visto sua irmã mais velha, Cecília (Keira Knightley), sendo assediada por Robbie (James McAvoy), o filho da governanta de sua casa. Ela fica em silêncio até o dia em que uma prima é estuprada. Levada por sua imaginação fértil, Briony tem certeza de que foi o jovem Robbie e o acusa. O rapaz é preso, mas Cecília está apaixonada por Robbie e é a única que não acredita na acusação de Briony.

Demorei um bocado pra ver esse filme, devido a um certo preconceito com romances e filmes baseados em best sellers. Erro meu. Desejo e Reparação não só surpreende com uma narrativa não-linear, triste e incomum para o gênero, mas com um desfecho digno de aplausos pela coragem do roteiro.


5. As Duas Faces de um Crime (1996)



Sinopse: Em Chicago, um arcebispo (Stanley Anderson) é assassinado com 78 facadas. O crime choca a opinião pública e tudo indica que o assassino é um jovem de 19 anos (Edward Norton), que foi preso com as roupas cobertas de sangue da vítima. No entanto, um ex-promotor (Richard Gere) que se tornou um advogado bem-sucedido se propõe a defendê-lo, sem cobrar honorários, tendo um motivo para isto: adora ser coberto pela mídia, além de ter uma incrível necessidade de vencer.

Filmes de tribunal normalmente trazem boas histórias. As Duas Faces de um Crime não foge à regra. Além de muito suspense, tensão e ótimos diálogos, o filme traz personagens verossímeis e únicos, presos em uma trama cheia de mistério e reviravoltas. E para completar, Edward Norton está em uma de suas melhores atuações da carreira. Estupenda.


4. O Habitante Incerto (2004)



Sinopse: Félix é um arquiteto que acabou de ser abandonado pela namorada e cuja vida sentimental está destroçada. Um dia chega em sua porta um desconhecido e o pede para fazer uma chamada pelo seu telefone. Em um momento em que Félix se distrai o desconhecido desaparece. Desde esse momento uma série de coisas estranhas levam Félix a angustiante situação de pensar que o intruso está em sua casa. O pobre Félix iniciará uma paranoica relação com o espaço que o cerca e no qual ele se sente observado.

E se alguém entrar em sua casa e simplesmente desaparecer? Dessa premissa angustiante parte O Habitante Incerto, do diretor (até então) estreante Guillem Morales. Com um ambiente claustrofóbico e paranoico, e apesar de irregular e confuso em alguns momentos, o filme traz uma alta dose de tensão e aflição, funcionando como um ótimo suspense.


3. A Vida de David Gale (2003)



Sinopse: David Gale (Kevin Spacey) é um brilhante professor de filosofia que está no corredor da morte, aguardando sua execução. Acusado de estuprar e assassinar uma ex-aluna, David chama a repórter Bitsey Bloom (Kate Winslet), para ouvir sua versão sobre o caso. Uma história inacreditável, envolvendo alcoolismo, a melhor amiga (Laura Linney), que está morrendo de leucemia, um advogado incompetente e um governador que adoraria vê-lo morto.

Na narrativa, enquanto Gale está prestes a ir para o corredor da morte, acompanhamos os momentos anteriores aos que culminaram na sua prisão. A Vida de David Gale, acima de tudo, traz uma interessante discussão social sobre a pena de morte. Difícil passar pelo filme sem se pegar refletindo sobre as questões apresentadas.


2. Xeque-Mate (2006)



Sinopse: Slevin Kelevra (Josh Hartnett) está com vários problemas em sua vida. O prédio onde mora foi condenado, sua carteira de identidade foi roubada e ele recentemente flagrou sua namorada na cama com outro homem. Para escapar ao menos por algum tempo dos problemas, ele consegue emprestado com seu amigo Nick Fisher (Sam Jaeger) um apartamento em Nova York. Paralelamente um plano está sendo tramado no submundo do crime de Nova York. Para se vingar da morte de seu filho, o Chefe (Morgan Freeman) planeja um golpe no filho de seu arquiinimigo, o Rabino (Ben Kingsley). O Chefe contrata Goodkat (Bruce Willis) para executar o plano, que consiste em encontrar um apostador que deva muito dinheiro ao Chefe a ponto de aceitar matar o filho do Rabino para se livrar da dívida. O escolhido é Nick Fisher, o que faz com que Goodkat vá até seu apartamento e confunda Slevin com seu alvo.

Xeque-Mate destaca-se pelo elenco e pelo excelente roteiro, que deixa diversas pontas soltas ao longo da projeção, e vai amarrando-as conforme chegamos ao seu final. E quando as peças todas começam a se encaixar é que percebemos o quão talentoso foi Jason Smilovic ao desenvolver o roteiro. Imprevisível o define. Filmaço!


1. Incêndios (2010)



Sinopse: O último desejo de uma mãe é mandar os gêmeos Jeanne e Simon numa jornada pelo Oriente Médio na busca por suas emaranhadas raízes. Adaptado da aclamada peça de Wajdi Mouawad, Incendies conta a poderosa e comovente história da viagem de dois jovens adultos para o núcleo do ódio profundamente enraizado, das guerras que nunca acabam e do amor duradouro.

Da lista, este foi o último a que assisti. E me arrependi por demorar tanto para vê-lo. Denis Villeneuve nos entrega uma obra prima. Através de um roteiro não-linear, separado por capítulos, Incêndios é capaz de nos arrancar um mar de sensações em apenas duas horas. Perturbador, impactante, reflexivo. E quando você pensa que tudo se encaminha para um final sem muitas surpresas... bum! Um soco no estômago. Genial. Um espetáculo da sétima arte.


Segue ainda uma lista de menções Honrosas:

  • Em Transe (2013)
  • Cidade dos Sonhos (2002)
  • Armadilha Mortal (1982)
  • Chinatown (1974)
  • O Segredo dos Seus Olhos (2010)
  • Vidas em Jogo (1999)
  • Sete Vidas (2008)
  • Following (1999)
  • O Presente (2015)
  • Boa Noite, Mamãe (2015)
  • O Mistério das Duas Irmãs (2009)

Bom pessoal, é isso. Fim da segunda parte. Quem gosta de filmes com reviravoltas surpreendentes e ainda não assistiu a algum dessa ou da outra lista, corra! Espero ter acrescentado algo novo a vocês. E, claro, depois voltem aqui pra comentar o que acharam.


Talison Marafiga

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...