Crítica: Mártires (remake 2016, de Kevin Goetz e Michael Goets)




O primeiro 'Martyrs' é um dos melhores filmes de terror dos últimos anos. Produção francesa de 2008, virou queridinha dos amantes de terror mais extremos, com uma história filosófica e cenas muito gráficas. Um dos poucos filmes verdadeiramente pesados mas que trazem um conteúdo. Fica nítido então que não precisaria de uma remake, ainda mais sendo um filme tão recente. Mas eis que agora no início de 2016 os americanos lançam sua própria versão. Com um material original tão bom em mãos, mesmo sem a necessidade de um novo filme, seria difícil fazerem algo ruim, seria no mínimo assistível. Porém fizeram algo ruim. Este novo 'Mártires' não será o pior filme do ano, mas já é uma das primeiras decepções.


Entre os pontos positivos, há uma boa e apoteótica trilha sonora. A atriz que interpreta Lucie (Troian Bellisario) se sai muito bem. E há um início e um final diferentes do original, mais explicativos e simbólicos, deixando um pouco de menos coisas em aberto, o que poderá agradar alguns e distanciar outros que preferem explicações subjetivas. O ritmo do final é tenso, com algumas cenas um pouco fortes. Apesar do baixo orçamento, esta produção feita entre Estados Unidos e Itália tem alguns belos cenários e fotografia. Porém há um amontoado de defeitos que impedem o filme de evoluir.


No quesito gore, tensão, violência e cenas chocantes, este nem se compara, nem chega aos pés do original, que é um filme verdadeiramente forte. No meio há um buraco no roteiro e na ação, faltando tensão suficiente. Embora hajam mortes fortes que poderá agradar alguns, quem realmente viu o original se decepcionará. A outra protagonista Anna interpretada por Bailey Noble é fraquíssima, não passa boa atuação. Embora o roteiro brinque com a fé e o fanatismo, não se aprofunda nisso, enquanto que no original sutilmente estas questões são criticadas.

Enfim, 'Mártires' é o tipo de terror fraco para se ver uma vez. Tem algumas poucas boas cenas e o resto mais do mesmo, bem genérico. É um remake fraco, sem necessidade de existir. É só para dizer que os americanos tem a sua versão. E para quem realmente quer ficar chocado e de queixo caído, recomendo o excelente filme original francês de 2008. 'Martyrs' é destes filmes inesquecíveis e absurdamente surreais. Já este novo filme aqui ... assista sem esperar nada.

NOTA: 2


Direção:  Kevin Goetz e Michael Goets

Elenco: Troian Bellisario, Caitlin Carmichael, Kate Burton, Toby Huss, Bailey Noble, Lexi DiBenedetto, Taylor John Smith.

Sinopse: a nova versão começa mostrando Lucie, uma garota de 10 anos, fugindo de um armazém isolado onde era mantida prisioneira. Profundamente traumatizada, ela é atormentada por pesadelos terríveis no orfanato que a abrigou. Seu único conforto vem de Anna, que tem a mesma idade de Lucie. Quase uma década depois, e ainda assombrada pelo trauma, Lucie finalmente rastreia a família que a torturou. Conforme ela e Anna se aproximam da verdade agonizante, eles acabam ficando presas em outro pesadelo, do qual não há outra escapatória a não ser um destino de mártires.


Trailer:













Deixe seu comentário:


O Vigilante da Noite

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...