Crítica: 'Qual é o Nome do Bebê?' (2012, de Matthieu Delaporte, Alexandre de La Patellière)





'Qual é o nome do bebê?' é um filme que beira ao teatro. Um assunto aparentemente banal vira roteiro por 1h50m. O longa é uma adaptação da peça 'Le Prénom', escrita por Alexandre de La Patellière e Mathieu Delaporte, também responsáveis pela versão na grande tela.
Essa comédia francesa conta a história de Vincent (Patrick Bruel), que vai ser pai pela primeira vez. Ele é convidado pela irmã e o cunhado para jantar, em companhia de sua esposa e de um amigo de infância. Enquanto espera a chegada da esposa, todos começam a fazer perguntas sobre a paternidade, até chegar a questão sobre o nome do bebê. Quando anuncia o nome escolhido, uma discussão se inicia.







Sendo um texto teatral e ainda mais um texto francês, o diálogo corre solto após este momento, porém, devido ao bom ritmo das conversas e a excelente fluidez do filme, em nenhum momento se torna algo cansativo ou enjoado, pelo contrário, talvez se torne a comédia que você procura. A harmonia entre os personagens principais é enorme e você consegue ver uma conversa bem dividida, mas claro que o foco maior se concentra em Patrick Bruel, ativando um papel sarcástico, debochado, mas com carisma e espontaneidade.

'Qual é o nome de bebê?' mostra que longas conversas e um assunto rotineiro combinado com diálogos excelentes e boas atuações podem render um grande sucesso e boas risadas.






Nota: 9,5


Título Original: Le Prénom

Direção: Matthieu DelaporteAlexandre de La Patellière

Elenco: Patrick Bruel, Valérie Benguigui, Charles Berling, Guillaume de Tonquédec, Judith El Zein

SinopseCom mais de quarenta anos de idade, Vincent (Patrick Bruel) vai ser pai pela primeira vez. Radiante, ele é convidado pela irmã e o cunhado para jantar, em companhia de sua esposa e de um amigo de infância. Enquanto a esposa não chega, os amigos começam a fazer perguntas sobre a paternidade, até chegar à inevitável questão sobre o nome do bebê. Quando Vincent finalmente anuncia o nome escolhido, o caos se instala na família.


Trailer:



Escrito por: Ana Cassani




Ana Cassani

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...