Crítica: Caça-Fantasmas (2016, de Paul Feig)



É sempre difícil regravar um clássico, o diretor tem que tomar muito cuidado para não fugir da atmosfera do original e um cuidado ainda maior com fãs. O problema é que virou moda "atualizar" as grandes obras para o "novo público" e até saíram coisas boas no princípio mas outros reboots simplesmente estragaram tudo. Logo que saiu o trailer das 'Caça-Fantasmas', todo mundo já julgou como sendo o pior filme do ano, sem ter assistido. Será que resultado final ficou tão ruim assim?   




Eu não me considero uma grande fã dos 'Caça-Fantasmas', vi os filmes, joguei o jogo de 2009, mas nunca achei algo hilariante. Pelo contrário, acho até que os filmes antigos chegam a assustar um pouco. Mas algo que eu com certeza me considero fã é o programa americano 'Saturday Night Live' e quando saiu o trailer fiquei muito empolgada para ver duas das melhores comediantes que o 'SNL' já teve, Kristen Wiig e Kate McKinnon, em ação no mesmo longa. 



E qual foi o resultado dessa união? Bem, as personagens são bem únicas, marcantes e engraçadas a sua própria maneira, porém, em algumas cenas as atuações ficaram um pouco forçadas, o que me decepcionou um pouco. A melhor atuação ficou por conta da Melissa MacCarty. Mas tenho que dizer que a verdadeira surpresa foi o personagem Kevin interpretado por Chris Hemsworth. Ele é como uma loira burra versão masculina e eu não esperava que ele fosse roubar tanto a cena.  


    
Algo que também marcou o filme é ótimo uso do 3D, logo no inicio já podemos ver isso quando o primeiro fantasma aparece e sai da tela. O longa é bem colorido, com bastante contraste e a sequência final ficou visualmente muito bonita, com todos os tipos fantasmas soltos. A direção de Paul Feig foi realmente algo que se destacou. 



E respondendo a pergunta: será que resultado final ficou tão ruim quanto o julgaram precipitadamente? Têm alguns pontos em que precisa melhorar para as próximas produções da saga mas na minha opinião, pode ser um dos melhores filmes desse ano. Talvez o público não tenha gostado da representatividade feminina, ele põe mulheres na ação e um homem como secretária, é inversão de papéis, mas este é o ponto alto do filme.



O filme também é repleto de participações especias inclusive de atores do primeiro longa. Umas das cenas mais engraçadas conta com a participação do Bill Murray e até mesmo Sigourney Weaver resolveu aparecer no final. Mas a melhor aparição no filme foi o Geleia, desta vez acompanhado de uma namorada.



'As Caças-Fantasmas' foi uma adorável surpresa para mim, nunca vi uma sala de cinema rir tanto com as piadas de um filme. Sem falar nos sustos que o 3D causou em algumas cenas. Mal posso esperar para ver as continuações, e o longa ainda vai ter a versão estendida com mais cenas. Tá esperando o quê? Vá correndo assistir! 

Nota:8

Direção: Paul Feig

Elenco: Kate McKinnon, Melissa McCarthy, Leslie Jones, Kristen Wiig, Chris Hemsworth, Neil Casey, Andy García, Charles Dance, Michael K. Williams, Matt Walsh, Sigourney Weaver, Bill Murray. 

Sinopse: Atualmente uma respeitada professora da Universidade de Columbia, Erin Gilbert (Kristen Wiig) escreveu anos atrás um livro sobre a existência de fantasmas em parceria com a colega Abby Yates (Melissa McCarthy). A obra, que nunca foi levada a sério, é descoberta por seus pares acadêmicos e Erin perde o emprego. Quando Patty Tolan (Leslie Jones), funcionária do metrô de Nova York, presencia estranhos eventos no subterrâneo, Erin, Abby e Jillian Holtzmann (Kate McKinnon) se unem e partem para a ação pela salvação da cidade e do mundo.



Trailer:

Curtiu? Não gostou? Deixe seu comentário!

Rafa's Ela

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente sobre o filme ou o blog. Pergunte, reclame ou elogie.

Obrigado...